Ceilândia vence, mas deixa a Copa Verde precocemente

Foto: ceilandiaec.com.br.

Adriano marcou o gol da vitória do Ceilândia. Foto: www.ceilandiaec.com.br

O fato de ter um time ainda em formação fez com que o Ceilândia não obtivesse sucesso na fase preliminar da Copa Verde. Na partida de ida, jogando na semana passada contra o Corumbaiense-MS, na casa do adversário, o Gato Preto deixou o campo derrotado por 3×1. O resultado obrigaria a equipe do DF a vencer o duelo de volta por uma diferença de dois ou mais gols.

O novo embate aconteceu na tarde desta quarta-feira (24, no estádio Abadião, sem a presença de torcedores em razão da inexistência de laudos técnicos. Com gol único de Adriano, o Ceilândia venceu os sulmatogrossenses, mas o resultado não foi suficiente para garantir o representante do DF nas oitavas de final da competição interestadual. Apesar das tentativas, o segundo gol que daria a classificação não aconteceu e o clube alvinegro foi precocemente desclassificado.

Com a eliminação, o técnico Adelson de Almeida terá mais tempo para preparar a equipe para a disputa do Campeonato Candango, que começou no último fim de semana. Como tinha compromisso pela Copa Verde, o Gato Preto só irá estrear no próximo domingo (28), às 17h, contra o Luziânia, no estádio Serra do Lago. Com isso, o jogo contra o Paranoá, válido pela primeira rodada, será remarcado pela Federação de Futebol do Distrito Federal.

Por Antônio Luiz Rodrigues da Costa

Share Button